Últimas Notícias
13/04/2016
Sindicato do RJ se reúne com a nova Dir. Administrativa e Financeira da ACERP
Do Sindicato dos Radialistas do Rio de Janeiro

No dia 07 de abril de 2016 na sede da ACERP, reuniram-se a Diretoria do Sindicato dos Radialistas, representados pelo seu Presidente Leonel Quirino, o Diretor de Negociações Humberto Cunha e o Diretor Financeiro Miguell Walther e por parte da empresa, a Sra. Luciana Brandão, Diretora Administrativa e Financeira e a Sra. Karen Monterlei, Gerente  de RH, após apresentações, iniciamos a reunião com os pontos a seguir:
 
1- PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS ( PROJETO RECONHECIMENTO  E RECOMPENSA)

A Sra. Karen informou que foi contratado uma consultoria externa para ajudar na elaboração deste projeto, com a realização de pesquisa de mercado em pequenas, médias e grandes Empresas, afim de verificar a média salarial; internamente foi criado um grupo de trabalho para designação dos cargos/funções; a projeto já se encontra em fase de final e será levado a Direção e após para o Conselho de Administração.

A bancada do sindicato reforçou o pleito de que deveria ter participado efetivamente deste projeto e ratificou que as leis dos radialistas 6615/78 e a CCT deverão ser cumpridas, colocou também que deve haver valorização profissional ao que tange ao mérito, entretanto pediu que não fosse esquecido a valorização por antiguidade, expôs também a preocupação de criar uma expectativa dos funcionários de aumento real de salário e que seja melhor divulgado esse ponto.       

Finalizando esse ponto a Sra. Luciana Brandão falou que todas as leis serão cumpridas e se negou a realizar o planejamento juntamente com representantes dos empregados.

Dirigentes sindicais lamentaram a não participação do sindicato na elaboração mas reforçaram que estarão atentos ao resultado.
 
2- VALE REFEIÇÃO / VALE ALIMNETAÇÃO
Dirigentes sindicais pleitearam a pedido dos funcionários, um reajuste nos VR/VA, tendo em vista que o último reajuste foi em janeiro de 2014, ou uma diminuição do desconto que hoje são de 20%, podendo ser por faixa salarial beneficiando os salários mais baixos, além disso, que os VR/VA sejam pagos nas férias e não sejam descontados em caso de afastamento com atestado médico.

A Sra. Luciana Brandão informou que NÃO SERÁ MAIS DESCONTADOS OS VR/VA nos casos de afastamento por atestado médico, quanto as demais solicitações de reajuste, diminuição do desconto e pagamento nas férias, ela pediu para que a Gerente de RH fazer um estudo de viabilidade.
 
3- QUADRO DE AVISO
O sindicato solicitou a colocação do quadro de aviso, conforme a cláusula 60° da CCT, para informes do sindicato, entretanto o Diretor Humberto informou que um espaço nos quadros de aviso dos andares atenderia a nossa necessidade, como era utilizado anteriormente.

 A Sra. Luciana Brandão informou que se o espaço atende, poderá ser utilizado, evitando assim um novo quadro no térreo.
 
4- FÉRIAS
A Sra. Luciana Brandão informou que não pode dividir as férias em dois peíodos, e que a CLT e a CCT não permite essa divisão.

O Sindicato entende que as leis estão sendo cumpridas, entretanto é de nosso conhecimento que alguns funcionários de cargos comissionados praticam essa divisão de férias.
 
5- HORAS NEGATIVAS 
A bancada do sindicato informou que, de acordo com a CCT, não poderá ter acúmulo de banco de horas negativas, lembrou que a Empresa já foi notificada em outra oportunidade pelo Ministério Público e teve que zerar esse horas negativas e pagar as horas extras de acordo com a CCT  - cláusula 11ª , falou também que a CATRACA não seve de parâmetro legal para "NEGATIVAR" ou descontar no salário e que esse controle de ausências são mais de responsabilidade dos Gestores/Lideres, NÃO do RH.

A Sra. Luciana Brandão solicitou a Sra. Karen para rever melhor esse assunto.
      
6- CARGA HORÁRIA
Sindicalistas levaram ao conhecimento, que os funcionários que possuem carga horária de 5h, 6h, 7h ou 8h e que não trabalham aos sábados, há muito tempo por deliberação da própria Empresa, não poderão ter acréscimo na jornada de segunda a sexta-feira, bem como negativar o período ou descontar, pois os mesmo estão com direito adquirido e pratica desse acréscimo poderá acarretar em ações judiciais.
 
A Sra. Luciana Brandão solicitou a Sra. Karen que analise esse assunto.  
 


Fonte: Do Sindicato dos Radialistas do Rio de Janeiro
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
« voltar 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 avançar »


SEDE - Brasília DF
SCS QD. 06 Bloco A, Nº 141, Edifício Presidente sala 206/208 - CEP: 70.327-900 - Asa Sul, Brasília/DF
Telefone:(61) 3963-1065